quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Quarteto Jean-Yves Fourmeau

Assisti no passado domingo, 29 de Novembro, em Torres Novas - Teatro Virgínia - ao bom concerto do quarteto de saxofones de Jean-Yves Fourmeau. Esta formação festeja este ano o 30º aniversário e nos últimos dias estiveram em Portugal para a realização de três concertos e de uma Master Class no Conservatório de Coimbra, ambos incluídos no Festival de Música de Coimbra.



A qualidade do quarteto assenta na maturidade musical dos seus elementos, não só pela carreira individual - sendo a de Jean-Yves a mais reconhecida - mas também pelos anos a tocarem juntos. A técnica instrumental é, a meu ver, o único ponto negativo a apontar; embora todos sejam saxofonistas esplêndidos, denota-se um ou outro momento em que algumas dificuldades técnicas de alguns elementos sobrassem. Contudo, não reduzem a boa qualidade do quarteto que brindou o pouco público presente com muitos virtuosos momentos. Jean-Yves é naturalmente o elemento mais forte, daí ser o músico que dos quatro mais utiliza as suas extraordinárias capacidades.
O reportório, listado em seguida, parece ser adequado ao grande público, ou seja, temas conhecidos de Ravel ou Mozart, sempre muito bem tocados mas que deixam algo a desejar relativamente ao reportório original para esta formação (principalmente para quem é saxofonista).

 Programa
Preludium et fugue - J. S. Bach
Allegro - A. Dvorák
Aeolian voices - V. Paulet
Boléro - M. Ravel
(intervalo)
Noces de Figaro - W. A. Mozart
Carmen fantasy - G. Bizet
Close your eyes and listen - A. Piazzolla
Smoke gets in your eyes - J. Kern
Indifférence - Murena
Cossack's dances - P. Graham


Sem comentários: